Um parceiro de financiamento confiável

5 Maiores Empresas de Equipamentos Agrícolas

O setor agrícola está sendo rapidamente conduzido por um número exponencialmente crescente de pessoas no mundo. Portanto, para acompanhar as necessidades de mudança, os agricultores precisam adquirir equipamentos adicionais para aumentar a eficiência.

Um estudo científico realizado este ano prevê que 9,7 bilhões de pessoas viverão no mundo até 2064. Atualmente, a população mundial produz cerca de 7,8 bilhões. Essa mudança rápida significa que a importância, não só dos agricultores, mas também das empresas que produzem os produtos que os agricultores precisam, continuará a crescer no mundo.

A HeavyFinance, empresa especializada em empréstimos agrícolas, apresenta as cinco maiores empresas de máquinas agrícolas que provavelmente estarão entre as principais opções para os agricultores no futuro.

1. Deere and Company

Receita 2019: €34,5 bilhões

Em 1837, em Illinois, EUA, John Deere notou que os arados dos agricultores projetados para os solos arenosos dos estados orientais não conseguiram lavrar pesadas terras de estepe. Como ferreiro, ele próprio fez a sua primeira implementação agrícola e, assim, notou um grande nicho para as outras atividades. Alguns anos depois, ele fez 100 arados e a empresa começou a se desenvolver rapidamente.

Desde o primeiro arado feito em 1837, John Deere projetou, fez e vendeu cerca de 690 modelos diferentes de tratores. A Deere & Co é hoje a maior fabricante mundial de máquinas agrícolas e um dos maiores fornecedores de equipamentos de construção, silvicultura e relvado.

2. CNH N.V. Industrial

Receita 2019: €24,8 bilhões

A CNH N.V. Industrial é uma gigante de maquinaria agrícola em rápido crescimento através de grandes fusões e aquisições. Combina a experiência da Case Corporation, fundada em 1842, e da New Holland, fundada em 1895.

As duas empresas fundiram-se em 1999, que foi um dos maiores negócios no mercado de máquinas agrícolas. A propósito, em 2013, a nova empresa fundiu-se formalmente com o seu maior acionista, a Fiat, a conhecida fabricante italiana de automóveis e máquinas. Foi assim que a atual CNH Industrial N.V. se formou.

Além da New Holland and Case, marcas bem conhecidas no mercado de máquinas agrícolas, atualmente detém a Astra, Iveco, Heuliez Bus, Steyr e outras marcas de maquinaria pesada.

3. Kubota

Receita 2019: 15,6 bilhões de euros

Kubota atua no setor agrícola há mais de 100 anos, começando com a venda de produtos metálicos em Osaka, Japão. É o maior fabricante de tratores e máquinas agrícolas do Japão e um dos maiores do mundo: desde plantadores de arroz a ceifeiras.

No Japão, as ceifeiras Kubota e os transplantadores de arroz ajudaram a mecanizar o transplante e a colheita. Equipamentos para processamento mais rápido dos campos de arroz levaram ao crescimento de Kubota em toda a Ásia. Por exemplo, em um país produtor de arroz como a Tailândia, os tratores Kubota estão em primeiro lugar em termos de vendas. No entanto, a empresa não se limita à Ásia e oferece equipamentos personalizados também para o mercado europeu.

4. AGCO Corporation

Receita 2019: €8,01 bilhões

Embora a AGCO tenha sido fundada apenas em 1990, também combina mais de um século de experiência adquirida na fabricação de máquinas agrícolas. As suas origens decorrem dos negócios estabelecidos na Alemanha há mais de 150 anos, tendo a empresa sido criada com a aquisição da unidade subsidiária Klöckner-Humboldt-Deutz na América do Norte.

Em 1994, a AGCO adquiriu o mundialmente renomado fabricante de máquinas agrícolas Massey Ferguson e, em 2004, adquiriu o fabricante de tratores finlandês Valtra. Houveram também mais aquisições e joint ventures com outras gigantes do setor na história da empresa. Graças a elas, a AGCO detém atualmente a Challenger, Fendt, GSI, Massey Ferguson, Valtra e outras marcas de maquinaria agrícola. A AGCO fabrica tratores, ceifeiras, equipamentos de feno e forragens, pulverizadores, semeadores, além de outras máquinas utilizadas pelos agricultores.

5. Claas

Receita 2019: €3,8 bilhões

Em 1913, na Alemanha, August Claas, aos 25 anos, começou a fabricar e vender enfardadeiras de palha. Ele logo se juntou a dois irmãos para estabelecer um negócio global de máquinas agrícolas ainda administrado pela família Claas. Em 1936, a empresa projetou sua primeira ceifeira de grãos europeia, que atraiu toda a Europa. Mais tarde, a empresa expandiu sua gama de máquinas para incluir prensas agrícolas, tratores e outras máquinas. A gama de produtos da Claas também inclui tecnologias de informação agrícola de última geração.

A propósito, em 2011, a ceifeira Claas Lexion 770 entrou no Livro dos Recordes do Guinness com suas 875,84 toneladas de grãos colhidos em 8 horas.

Apoio financeiro aos compradores

Um agricultor que possui 100 hectares de terra tem, frequentemente, pelo menos 10 unidades técnicas. Embora a maquinaria agrícola seja dispendiosa, ajuda a enfrentar a escassez de mão-de-obra no setor do agronegócio, a aumentar a produtividade das explorações agrícolas e a completar o trabalho no seu devido tempo.

Em Portugal, ainda é difícil para os pequenos e médios agricultores obterem o financiamento necessário para a aquisição de máquinas. No entanto, a HeavyFinance pretende mudar esta situação, oferecendo até 100% de financiamento para a aquisição de máquinas ou terrenos. Além disso, os agricultores recebem cronogramas flexíveis de reembolso de empréstimos.

Para saber mais sobre os empréstimos da HeavyFinance para a agricultura, visite aqui


Atgal